Geraldo Magela de Oliveira

Contato

Uma Chama Ardente chamada igreja. - Crônicas do Oliver

Crônicas do Oliver

Uma Chama Ardente chamada igreja.

Olá,

Li há poucos dias uma frase falando sobre a pureza da alma. Fiquei impactado, pois ao terminar meu dia de trabalho e no caminho para casa, vi no trânsito várias manifestações de almas sujas. Sim, eram muito sujas. Pois eram gestos obscenos, xingamentos e fechadas em outros condutores. Lembrei-me então da Palavra de D'us e me propus a ouvir alguns louvores de tempos antigos. Então, para minha alegria me deparei com "Alma Abatida" e senti que todos aqueles ao meu redor que se xingavam, na verdade sentiam falta da centelha ardente do Amor Divino. Pois quando somos inundados pelo Amor do Senhor, em nossas almas não há espaço para nada que não seja sua obra e seu serviço. Naquele momento em oração pude voltar no tempo. Para uma época em que havia verdadeiramente esta chama nas igrejas. Tempo em que os irmãos se amavam de verdade, onde havia cumplicidade, ajuda, prazer no servir e respeito aos líderes. Pois, o que se vê hoje é justamente o contrário. Irmãos se digladiam uns com os outros para saber quem leva maior vantagem em negócios. Negócios sim, porque algumas igrejas e comunidades hoje, se tornaram meros balcões de negócios que se encontram na idade média a vender indulgências. Uma igreja onde o perdão ficou para trás, onde o amor é artigo em desuso. E tudo isso ainda com os pseudo-irmãos a se acharem como os melhores do povo. O orgulho e a soberba tomaram conta deste povo. Por isso ao final daquele louvor, minha alma estava abatida por saber que vivo neste tempo atual. Então hoje oro Ao Eterno para que estes "irmãos" se convertam a Ele de forma verdadeira e que esta igreja venha a se tornar novamente a noiva do Cordeiro Santo. Porque esta que vemos hoje, salvo raríssimas exceções está longe de ser chamada para o Reino de D'us. Então, na certeza de que juntos em oração podemos mudar esta situação, sejamos tomados de Amor por nosso irmão e assim uma nova igreja irá surgir.

Porque D'Ele dependemos e para Ele caminhamos.