Geraldo Magela de Oliveira

Contato

A Paralisia do MEDO - Crônicas do Oliver

Crônicas do Oliver

A Paralisia do Medo

Olá,

Estava a pensar por estes dias sobre o que impede o povo de D'us de verdadeiramente crescer. E algo me chamou a atenção, pois há alguns dias falei da hipocrisia, da maledicência, do egoísmo e até da falta de amor. Então me veio à mente um dos maiores obstáculos do crente hoje em dia. É o medo. Porém, medo de que? Medo de servir a D'us em sua plenitude, medo de não estar ouvindo o que D'us quer falar aos nossos corações, medo de mudanças e o medo de amar. A falta de confiança em nós mesmos e o temor daquilo que outros podem dizer a nosso respeito, tem feito com que fiquemos estagnados em nossa caminhada com D'us. Lembro-me de ler sobre Zacarias que ao saber que apesar de ser velho e sua mulher também, teriam um filho, Zacarias ficou com medo e um tanto descrente a tal ponto que perdeu a voz. Ele não acreditou que estava ouvindo a voz de D'us e que era uma mensagem direta Do Altíssimo para ele. Assim todos nós temos agido de forma constante. Porém, uma coisa vos digo, que a partir do dia em que nos concentrarmos em ouvir a Voz de D'us em nossos corações, e entregar nosso corpo e alma ao Seu serviço, com certeza todos os nossos medos e temores serão retirados de nós. E aí sim, cresceremos em estatura e dignidade diante Daquele que reina para sempre. Não devemos nos preocupar com o que vão achar ou dizer de nós. Cada vez que alguém se preocupa em falar algo de outrem, está deixando de viver sua própria vida em detrimento das de outrem. E é justamente isso que o nosso medo faz. Ele nos paralisa diante de D'us e faz com que estejamos focados em qualquer outra coisa que não A Vontade D'Ele. E como servos de D'us devemos abrir nossos corações e mentes para que sejam transformados todos os nossos medos em coragem para servir e amar nosso próximo e semelhante. E assim sendo, serviremos de exemplo para aqueles que nos rodeiam e às nossas famílias. Por isso hoje, peço que sejamos cada dia mais servos valorosos e tementes a D'us, focados na verdade plena da Palavra D'Ele e confiantes que com a Presença Divina em nossas vidas mal algum se achegará até nós. Certo de que podemos e devemos mudar e que o nosso medo será jogado por terra e lançado nas profundezas. Clamo a todos que digam sim ao Amor de D'us e verdadeiramente seremos livres de tudo aquilo que nos prejudica.

Porque somos livres para amar a D'us e estamos ao Seu serviço.