Geraldo Magela de Oliveira

Contato

O Ser INDEPENDENTE é bom. - Crônicas do Oliver

Crônicas do Oliver

O Ser INDEPENDENTE é bom.

Olá,

Já repararam nas redes sociais o que acontece quando alguém posta uma frase, foto, vídeo ou mesmo um texto polêmico? Em um primeiro momento, as pessoas comentam conforme suas posições ideológicas e pessoais. A seguir vêm os estruturados que comentam com base filosófica, política e um tanto coerente. Logo então aparecem as Marias vão com as outras. Estes são aqueles que não têm pensamento próprio ou mesmo que não tem a capacidade de com seus comentários dizer algo útil, simplesmente acatam as posições alheias independente da coerência ou não como se fossem as suas. Estes, o fazem em sua grande maioria das vezes para agradar os interlocutores em questão e não por assim pensarem. E apesar de vivermos atualmente em uma sociedade polarizada por direitistas e esquerdistas, os quais em sua grande maioria não se importam se o que o outro faz é bom ou não, criticam e tentam destruir somente por não ter sido eles próprios que pensaram. Sendo assim, uma sociedade que poderia ter um efeito melhor sobre o futuro, se desfaz em sua própria mediocridade. Não podemos levar em conta que o seguir alguém é algo totalmente danoso, uma vez que o pensamento não é algo que seja de uma pluralidade infinita. Tudo é limitado no que diz respeito a nós mesmos e assim sendo, podemos seguir os outros e em alguns casos ter a mesma forma de pensar. O que não podemos fazer é seguir os outros de forma cega. Temos que filtrar tudo o que vem até nós e dali retirar a verdade que cremos ser o lado mais correto e só assim opinar de acordo com a nossa consciência e não com a alheia. No entanto, ter essa atitude não é fácil. Em primeiro lugar, devemos nos preparar para que sempre que algo vier à tona e se acaso for de nosso interesse, sabermos opinar com pertinência e autoridade. Segundo, temos de ter em mente que nossa consciência não pode e não deve ser vendida pelo preço de um prato de lentilhas. E terceiro e para mim a mais importante, não devemos nos preocupar com o que os outros pensam de nós. O que pensam ou não, não é problema nosso e sim deles. Se assim tivermos condições de agir, certamente seremos melhores e em momento algum manipuláveis pelo pensamento alheio. D'us em sua infinita sabedoria e bondade nos criou de forma única para sermos respeitados por onde formos e pela forma como somos. Nos fez amantes de Sua Lei e também servos e adoradores. Mas, não fez de nós cegos seguidores. Se Ele que é D'us não nos exige que O sigamos cegamente, que dirá de meros mortais que se intitulam pensadores e que não passam de vermes diante Da Grandeza de Nosso D'us.

Por isso, tenho a certeza de que hoje penso mais do que ontem e que não me deixarei manipular pelo que outros pensam.

"Penso, logo existo".