Geraldo Magela de Oliveira

Contato

Não arredarei o Pé da minha FÉ - Crônicas do Oliver

Crônicas do Oliver

Não arredarei o Pé da minha FÉ

Olá,

Estava a ouvir uma ministração e a pregadora foi muito feliz ao ligar um personagem bíblico ao tema Pai. Ela falou de um homem que apesar de toda sua riqueza, prestígio e posição social, não pensou duas vezes em procurar certo pregador de origem humilde, mas que tinha uma palavra rica e a fama de milagreiro. Este homem que era um dos principais do seu tempo conhecia a fama do milagreiro e com certeza era também um de seus perseguidores. Mas como todos nós em nossa pequenez de pensamento no qual teimamos em menosprezar aquilo que não conhecemos e muitas das vezes ainda atacar com palavras e gestos o que nos é desconhecido, aquele homem agia de acordo com sua consciência, uma vez que andava também sob um jugo da Lei vigente e não era totalmente livre para expressar suas opiniões. Porém, este milagreiro de quem falamos há pouco, andava pelas bandas da circunvizinhança deste homem. E aconteceu que a filha deste homem adoeceu e estava prestes à morte. Este homem em desespero jogou por terra tudo o que lhe havia sido ensinado até então e em busca da cura para sua filha que era o seu bem mais precioso. Naquele momento ele não pensou em posição social, bens materiais, religião e em nada mundano. Ele simplesmente se esqueceu de que era um príncipe e se embrenhou na multidão na busca daquilo que acalentasse o seu coração turbado. Mas, como nem tudo na vida é fácil de ser conquistado, este milagreiro andava por demais ocupado em seu ministério e, portanto não estava de fácil aceso neste dia. Porém, aquele homem não desistiu e continuou a tentar receber o que queria. Então eu pergunto. Até onde lutamos por aquilo que queremos e necessitamos? O que somos capazes de fazer? Será que descemos de nossas posições sociais para nos embrenharmos em uma multidão de seres menos favorecidos? Não tenho certeza de quantos o fariam. Mas aquele homem não desistiu e mesmo quando lhe chegaram dizendo que sua filhinha havia morrido ele não desistiu. Principalmente ao ouvir daquele milagreiro "Não temas, crê somente". E ao ouvir aquilo o coração deste homem se pôs em festa, pois soube em seu íntimo que um milagre estava por vir. Este milagreiro foi então à casa de Jairo que é o homem de quem falo e disse a menina para se levantar e então ela ressuscitou através da Palavra daquele milagreiro que é Jesus de Nazaré. Por isso, hoje aja como Jairo e tenha sua FÉ acima de tudo e dela não arrede o Pé. Pois o Milagreiro Jesus que é O Mestre dos mestres tem um presente separado para cada um que N'Ele crer de todo o coração e entendimento.

O presente?

A Salvação e a Vida Eterna.

Porque creio que Jesus é Senhor e N'Ele posso confiar.