Geraldo Magela de Oliveira

Contato

Gostar de VOCÊ - Crônicas do Oliver

Crônicas do Oliver

Gostar de VOCÊ

Olá,

Vivemos atualmente em tempos nublados no que se diz respeito às relações humanas. Há em cada um de nós um submundo de caráter enegrecido por causa daquilo que esperamos dos outros e principalmente no que tange àquilo que fazemos para outrem. Este submundo é repleto de desigualdade e falta de harmonia por todos os lados que se tente olhar. Seja a nós próprios seja pelo nosso próximo. Este próximo então é o mais desprezado por causa de nosso egocentrismo exagerado, pela nossa ganância e até pelo desamor com o qual brindamos os nossos dias. Porém, algo chama a atenção quando este pequeno feudo vêm à tona. Apesar de todo o desprezo que sentimos pelos outros, temos a imensa necessidade de que os outros nos amem e nos tratem com respeito e carinho. Mas, então como podemos querer algo que não oferecemos? Tratamos com desrespeito, com desamor, com hipocrisia e muitas vezes até com maldade e nos sentimos no direito de exigir amor e respeito? Infelizmente estamos vivendo uma geração hipócrita, maldosa e extremamente egoísta. Uma geração que não tem mesmo amor próprio dado a sua capacidade de cegueira. Devemos procurar enxergar que para que alguém goste de nós, em primeiro lugar devemos mostrar interesse verdadeiro pelas outras pessoas. Devemos chama-las pelo nome, demonstrar que ouvimos e sentimos as necessidades delas mesmo que não tenhamos condições de ajuda-las de momento mostrando e fazendo com que se sintam importantes para nós. Somente assim seremos dignos do amor e do carinho destas pessoas. Se quisermos ser felizes e amados, em primeiro lugar devemos fazer com que os outros se sintam felizes e amados. Só assim eles estarão dispostos a nos amar sem pedir nada em troca. E isto é justamente o que andamos fazendo na atualidade. Portanto, vamos mudar a nós mesmos fazendo com que o pequeno feudo dentro de nós se torne um lugar agradável a presença de outros. Que sejamos um jardim circundado pelas mais belas flores e aberto a todos que quiserem entrar e festejar conosco uma vida plena de alegria e bondade. Bondade tal que será nosso cartão de visitas onde estivermos. Tenho a certeza de que o mundo pode ser melhor a partir do momento em que mudarmos a nós mesmos.

Vamos mudar o mundo?

Sim.

Comecemos por nós mesmos.