Geraldo Magela de Oliveira

Contato

E o Ladrão foi SALVO - Crônicas do Oliver

Crônicas do Oliver

E o Ladrão foi SALVO

Olá,

O que é mais fácil? Perdoar a outrem ou perdoar a nós mesmos? Agradar aos outros ou agradar a nós mesmos? Servir de exemplo ou ser exemplo? Em todos os casos podemos dizer que em princípio, fazer aos outros é mais difícil que fazer a nós mesmos. Porém, a nossa capacidade de perdão apesar de estar cada dia menor, ainda é mais fácil perdoar a quem nos ofende do que a nós mesmos. Não poderia dizer se é por falta de preparo ou mesmo a falta de amor próprio. O que acontece é que temos a infinita capacidade de nos inferiorizar perante tudo e a todos. A cada vez que deixamos que alguém nos menospreze, a nossa capacidade de auto-amor e estima diminui. Isto por que vivemos em uma cultura onde as pessoas somente se sentem bem ao demonstrarem sua superioridade sobre as outras, Seja de forma financeira ou sentimental. De maneira racional ou espiritual. Este modo de agir tem levado muitas pessoas à depressão. E quando falo de pessoas em depressão, não falo de pessoas simples. Falo de líderes, artistas de renome, políticos, servos de D'us e também de Padres e Pastores das mais diversas denominações religiosas. Porque isso acontece? Infelizmente agimos hoje em dia como semideuses. Dizemos em nossa grande maioria que sou forte e que, portanto nada pode nos atingir. Porém esquecemos que acima de qualquer pessoa há sempre alguém e que, então não somos melhores que ninguém. Grande parcela de culpa pela sociedade estar nestes níveis é de cada um de nós independente de classe social ou cultural. Se cada um de nós agir de forma correta, ética, amorosa e sóbria com aqueles que nos rodeiam, uma sociedade melhor virá a partir deste momento. Assim como alguém que reconhece as suas debilidades, fraquezas e pecados, somos elevados a um lugar nobre e puro. Pois como aquele ladrão que disse ao seu companheiro no momento de sua morte que Aquele que estava no centro nada havia feito para merecer a morte, e reconhecendo a Grandeza D'Aquele homem foi perdoado e ali mesmo recebeu a Salvação Eterna, somos capazes de sermos transformados no momento em que nos dispusermos a agir de forma diferente e terna para com os outros. E assim transformados, seremos responsáveis pela sociedade que virá a partir de nós. Um lugar nobre onde as pessoas se respeitam, perdoam, amam e principalmente se reconhecem como seres únicos criados com o propósito de ser Servos de D'us.

A propósito, O Ladrão foi Salvo.

Na certeza de que o amanhã será melhor a partir de minha mudança.