Geraldo Magela de Oliveira

Contato

Ainda há Esperança - Crônicas do Oliver

Crônicas do Oliver

Ainda há Esperança

Olá,

Hoje quero expressar meu sentimento mais humano. Por quê? Porque tenho tido experiências que me fazem lembrar que apesar de tudo o que passamos e vivemos no dia a dia, de todas as atitudes maliciosas e todas as maldades a que somos sujeitos, ainda há esperança para o ser humano e principalmente o cristão. Vi um vídeo na internet que me mostrou o quanto o homem ainda pode ser bom. Isto se quiser. Porém temos que ter a esperança de que apesar toda arrogância e egoísmo deste que é a mais perfeita criação de D'us, o homem pode ser bom e inspirador. Um pedinte recebe uma boa quantia de esmola e é seguido por quem a deu, este que recebeu então, vai até uma loja de conveniência e gasta todo o dinheiro, pega suas sacolas e se dirige a um local onde estavam outros pedintes e então começa então a distribuir aquilo que comprou com eles. Aquele que deu a esmola fica envergonhado por tê-lo seguido e recebe como resposta que o homem pode perder tudo na vida, só não pode perder a dignidade e o amor ao próximo. Algo único em nossas vidas e que nos torna mais humanos. O gesto em questão passaria despercebido da grande maioria, dada a nossa total incapacidade de ajudar o próximo. Foi preciso um vídeo daquele para alertar e transformar os seguidores de quem o fez haja visto os comentários. Felizmente ainda há exemplos de grandeza na sociedade, pessoas que se dão em prol do outro, pessoas que amam sem se preocupar em ser amado. Este é o verdadeiro sentido que deveríamos ter em nossas vidas. Primeiro fazemos e se for da vontade divina, também receberemos. Isso funciona em todos os níveis de relacionamento. Em um casamento sempre se perguntam como sermos felizes. Digo então que para sermos felizes, primeiro façamos nosso cônjuge feliz e assim então o mesmo terá motivos para nos devolver esta felicidade. Se assim fizermos, com certeza faremos do espaço ao nosso redor e do mundo, um lugar melhor para estar e viver. Então, se há alguém que consiga começar este ciclo virtuoso, este alguém e você que me lê. Se cada um de nós fizer sua parte preparando a reconstrução do mundo e a restauração dos verdadeiros valores morais, faremos da sociedade e do mundo algo digno de deixar como legado aos nossos filhos e descendentes. Portanto ainda há esperança para nós. Como dizia o hino “Vamos mudar o mundo" e que essa mudança comece a partir de hoje, porque o hoje é o primeiro dia do resto de nossas vidas. Pode soar um tanto clichê, mas, é tudo o que necessitamos.

Na esperança de fazer o certo e na certeza do amor de D'us. E que como Fênix nós possamos renascer das cinzar e sermos indivíduos melhores.