Geraldo Magela de Oliveira

Contato

O verdadeiro sentido do Amor - Crônicas do Oliver

Crônicas do Oliver

O verdadeiro sentido do Amor

Olá,

"O amor tem feito coisas que até mesmo Deus duvida, já curou desenganados e fechou tantas feridas, O amor junta os pedaços quando o coração se quebra. Mesmo que seja de aço e mesmo que seja de pedra, fica tão cicatrizado que ninguém diz que é colado". Ivan Lins em sua canção Iluminados nos mostra a capacidade que o amor tem de transformar tudo ao seu redor. Todos nós já amamos, todos sofremos por amor. Seja na adolescência, juventude ou até mesmo idade adulta. O interessante é que todos nós ao passarmos por estes momentos de amor ou sofrimento saímos sempre mais fortes. E assim somos porque nossa capacidade de resiliência aumenta a cada relação ou ciclo pelos quais passamos. O mesmo amor que nos faz sofrer é aquele que faz com que vivamos cada dia mais intensamente nossas paixões. Estas paixões são o que dá sentido à nossa vida. É só reparar um eletrocardiograma e seus gráficos. Eles sobem, descem e por milésimos de segundo ficam estáveis. Nossas vidas também são assim. Entre os altos e baixos que nossas paixões e amores nos permitem, temos um milésimo de segundo para respirar e voltar a amar novamente. Se nossas vidas fossem estáveis o tempo todo, com certeza estaríamos mortos se comparados à linha gráfica do eletrocardiograma. Por isso devemos valorizar as alegrias e também as tristezas proporcionadas por este sentimento maravilhoso. Tristezas, teremos sempre em nossas vidas uma vez que nossas caminhadas são feitas de forma diária e portanto, todos os dias convivemos com pessoas diferentes e estas nem sempre serão gentis conforme esperamos. Mas, nem por isso devemos desistir de enxergar o lado bom das coisas. A vida e os desamores podem nos tirar muito, mas devemos nos alegrar pelas experiências e alegrias que este sentimento maravilhoso nos trás também.

O seu coração pode até estar quebrado por causa do amor, mas lembre-se que alguém um dia te amou tanto que deu sua própria vida que fosses salvo.

Por isso, vamos amar, vamos festejar, vamos celebrar a vida. Hoje é o primeiro dia do resto de nossas vidas e com ele uma nova leva de experiências e alegrias vão surgir.

Então, ame intensamente e viva de forma que não se arrependa nunca por ter tido o privilégio de amar e ser amado.